fevereiro 12, 2017

tomorrow never comes (I)



Tentava escrever

com a minha mão direita,
com a minha mão esquerda, alma casa inteira

o corpo, o fogo-fátuo do corpo, o corpo

o esboço, o esboço aparente, cor baça,
fuligem do corpo em pássaro transitório
que ainda não ardeu.

Enquanto tentava escrever
um detalhe 

um traço carvão, uma asa
sombra caliça,

acontecia

o contorno da luz placenta
no grão do barro

em silêncio ainda,
acontecia

o corpo


Fevereiro 2017.02
(Portrait for Frazer – LC.1981)

Sem comentários: