outubro 27, 2016

25 Setembro




do silêncio nasciam poemas; estranhas ciências, essas de ser palavra inteira 

provisória, única morada.


2013
03-365

1 comentário:

Marcelino disse...

Nessa ciência te encontraste, poeta, e te fizeste um experto (à moda de Luis Vaz no episódio de O velho do Restelo)