maio 23, 2011

.
«Se não fosse o ponto,
o ponto de paragem,
Não existiria a dança,
e nada mais existe senão a dança.»

T.S. Eliot
.