outubro 23, 2009

Advertências de Salomé às sombras - A Segunda Letra





















Há um livro das horas escondido
no mais fundo da tua alma.

Das páginas que se deixaram acordar
Pelos ventos e sombras,
Esses filhos nítidos de Salomé,
Guiam-se os sentidos inacabados
De quem na palavra procuram o conforto
Que retomam o caminho,
O tempo, a cristalização do ser
Que se amotina e todavia, descansa
Em si.

Dirá então Salomé:
O que dorme, acordará;
O que acordar, zelará prudentemente
Pelo sono do que padece;
O que padece, sonhará o pesadelo
Que precede o sonho
E o sonho precederá
A letra inicial, única, de principio e fim.

A letra inicial, esse
Espelho nítido,
Reflexo do livro das horas
Que adormecidas,
Nas sombras de poesia, ressuscitam,
Todavia
No mais fundo da tua alma

Colmeal Velho, 23 de Outubro

|Marlon Brando em cpt por.8536720|


Sem comentários: